Memphis - Ac 39
Matricule-se e veja os vídeos!
Nosso curso de Qual violão comprar? tem 20 aulas e 1 alunos matriculados.

Novidades do curso


Especificações

Lateral e fundo: Linden
Tampo: Linden
Braço: Linden
Trastes: 19
Cores: natural, preto,azul, lilás, pink, purple.
Cordas: Náilon
Fabricação: China
Acabamento: Verniz Brilhante
Relação de giro das tarraxas: 15:1
Formato do corpo: Clássico
Largura da pestana: 49 mm
Distância das cordas na pestana: 42 mm
Distância das cordas no rastilho: 60 mm
Comprimento do braço: 655 mm
Ação na 12ª casa: 6mm
Profundidade do corpo: 98 mm
Comprimento do corpo: 483 mm
Diâmetro da boca: 85 mm
Largura do cavalete: 180 mm
Tensor no braço



Onde comprar

Eletrônica Musical
Rua Pedro Pereira, 620 - Centro - Fortaleza-CE
(85) 3464-2450
Preço:
R$320,00 à vista
R$360,00 (10x no cartão)

Review

O modelo AC-39 é da série Memphis da Tagima, fabricado na China.

Esse violão é exclusivamente acústico, ou seja, não tem captação embutida e nenhuma entrada para cabos.

As cordas são de náilon e o formato é clássico, sem o corte no corpo.

As cores disponíveis no modelo AC 39 são: natural, preto,azul, lilás, pink, purple.

O instrumento é bem feito, mas com alguns detalhes mal finalizados, como algumas sobras de cola no cavalete e na junção do braço com o corpo. O cavalete parece firme, mas ainda permitindo a visualização de pequenos espaços em alguns trechos.

Esse modelo está situado na faixa de preços mais baixa. Em muitas lojas esse modelo poderá ser o violão mais barato disponível para venda. Esse é seu maior diferencial.

O violão é todo feito em Linden, inclusive o tampo. Essa é uma madeira secundária, utilizada em substituição às madeiras mais procuradas para construção de violões.

As três cordas mais graves tem boa projeção, com timbre ligeiramente metálico. As cordas 2 e 3 soam mais abafadas e a primeira corda tem bastante destaque. Essa distribuição de timbres e projeções pode variar de acordo com o jogo de cordas escolhido, mas a construção do violão influencia bastante nisso.

As notas tem boa sustentabilidade, principalmente na 4ª e na 5ª cordas.
O violão se mostrou um pouco duro para tocar. A sugestão é que logo após a compra seja feita uma regulagem no tensor (já instalado no braço do instrumento) para que o conforto aumente.

A afinação é firme e constante por todo o braço. Também não foi localizado nenhum trastejamento.

O violão Tagima-Memphis AC 39 tem a vantagem do preço mais baixo, por isso tem boa procura por aqueles que estão iniciando o aprendizado. Nesses casos o ideal é que o violão seja regulado para que o conforto ao tocar aumente e o estudo seja mais prazeroso.

Legenda:

(1) - Ação é o nome dado para a distância entre as cordas e o braço do violão. Quanto maior a distancia entre as cordas e o braço, maior a ação, e maior a dificuldade para tocar.

(2) - Tensão é a força que estica as cordas. Quanto maior a tensão, maior a força que estica a corda e maior a firmeza. Um tensão muito alta deixa o violão mais "duro", porém dá mais precisão para o instrumentista.

(3) - Dizemos que uma corda está trastejando quando ela encosta no traste e faz um barulho metálico e tremido, prejudicando a sonoridade. Violões com ação muito baixa são mais fáceis de tocar mas tem maior possibilidade de trastejamento.

(4) - O tensor é uma peça que fica no braço do violão e permite uma regulagem mais rápida do instrumento. Facilitando o aumento ou a diminuição da tensão das cordas.